CUIDADOS QUE O SÍNDICO DEVE TER COM OS ELEVADORES

Eles trazem conforto e rapidez para os usuários de qualquer edifício, mas por trás da comodidade tem sempre um síndico atento para que o equipamento funcione corretamente. E problemas não faltam, pois é comum ouvir de síndicos que os elevadores trazem muita dor de cabeça, além de custos altos para o condomínio. Oscilações de energia, excesso de peso e mau uso das máquinas são as principais complicações enfrentadas pelos síndicos.

 

Segurar o elevador impedindo o seu funcionamento, colocar excesso de força no botão de chamada, e ainda apertar vários andares sem necessidade. Esses são os principais problemas apontados pelos síndicos.

 

Veja alguns cuidados que os síndicos estão solucionando os problemas e confira também as dicas de especialistas.:

O que você não deve fazer

  • Puxar a porta do pavimento sem a presença da cabine no andar.
  • Apressar o fechamento das portas.
  • Apertar várias vezes o botão de chamada.
  • Chamar vários elevadores ao mesmo tempo.
  • Fumar dentro do elevador.
  • Movimentos bruscos dentro do elevador.
  • Lotar o elevador com o peso acima do permitido.
  • Bloquear o fechamento das portas com objetos.

O excesso de lotação e de carga é perigoso e acarreta desgaste prematuro do equipamento.

Crianças

O elevador não é lugar de brincadeiras, portanto oriente as crianças para:

  • não acionar os botões desnecessariamente;
  • não dar pulos ou fazer movimentos bruscos dentro da cabine;
  • nunca colocar as mãos na porta;
  • não entrar primeiro no elevador, assim que a porta se abre.

Evite que elas usem o elevador sozinhas.

Exija da empresa de conservação que o acesso à porta do elevador seja bloqueado quando ele estiver em reparos ou revisão técnica.

Se o elevador parar entre dois andares…

Os ocupantes devem:

  • manter a calma, pois o perigo não é iminente;
  • acionar o botão de alarme e/ou utilizar o interfone para pedir ajuda;
  • solicitar que chamem o zelador e, se necessário, a empresa conservadora ou o /Corpo de Bombeiros;
  • aguardar com calma.

Importante: Não force as portas nem tente sair por conta própria!

Se o elevador parar entre andares e a porta abrir, não tente sair pela abertura. O elevador pode voltar a funcionar no momento em que você estiver saindo. Aguarde a sua estabilização.

Nunca se afobe ao tomar o elevador

  • Quando a porta do elevador abrir, preste atenção. Antes de entrar, verifique que a cabine do elevador está no andar. Falhas mecânicas permitem, às vezes, que a porta abra sem a presença do elevador, o que já provocou muitos acidentes fatais.
  • Entre no elevador e saia dele devagar, para evitar colisão com outros usuários. Não tente entrar no elevador enquanto os ocupantes estiverem saindo.
  • Ao entrar no elevador e ao sair dele, cuidado para não tropeçar nos degraus que se formam quando ele pára desnivelado com o pavimento.

Incêndio

Em caso de incêndio, não utilize os elevadores.

O abandono do edifício deve ser feito pelas escadas, obedecendo ao plano de abandono.


Produzido por : Base Software